Guarda-roupa ou Cômoda: Qual o Melhor Para Guardar as Roupas do Seu Bebê?



Organizar o quarto dos pequenos pode ser uma tarefa mais complicada do que parece. É preciso escolher o estilo de decoração, como organizar os móveis e, principalmente, como escolher os móveis certos.  


Então se você está planejando o quarto do seu bebê mas não sabe como escolher entre o guarda-roupa e a cômoda, continue lendo e descubra aqui dicas para lhe ajudar a guardar as roupas do seu bebê da forma certa.

O que manter em mente ao escolher entre um guarda-roupa ou cômoda para o bebê

  • Se há outro lugar para guardar os objetos pessoais 


Se você é uma mamãe de primeira viagem, pode acabar focando demais em procurar uma loja de bebê online, escolher as peças do bebê mas acabar esquecendo de reservar um local para os outros objetos pessoais do baby. 


Independente de ser uma cômoda ou um guarda-roupa, certifique-se de que também haverá espaço para guardar objetos como fraldas, sapatinhos, acessórios, porta-chupetas, etc. 


O guarda-roupa infantil acaba ganhando pontos extras quando se trata de ter mais espaço, mas é possível encontrar cômodas que possuem prateleiras externas. Por isso, é preciso saber se você conseguirá guardar todos os objetos essenciais para o bebê em um único móvel ou precisará da ajuda de um segundo. 

  • A idade do bebê


A idade do seu bebê também terá um papel importante na hora de escolher entre um guarda-roupa ou uma cômoda, isso porque a tendência é que, quanto mais o tempo passa, maior será a quantidade de roupas que seu pequeno ou pequena terá. Além disso, quanto mais seu bebê crescer, maior serão as roupas que ele irá usar, fazendo com que essas peças acabem ocupando mais espaço no armário. 


Por exemplo, as peças de roupa de um recém-nascido e bebês de até 6 meses costumam não precisar de tanto espaço e por isso podem caber perfeitamente em uma cômoda. Porém conforme o seu baby começar a crescer demais, talvez seja o momento de fazer a troca para um guarda-roupa com mais espaço. 

  • Espaço disponível no quarto 


Imagine que você planejou com todo o cuidado do mundo os móveis e a decoração do quarto do seu bebê e tudo estava perfeito até você perceber que não há onde colocar os móveis... Ninguém quer perder tempo e dinheiro com erros assim, não é mesmo? 


Por isso, ao escolher entre o guarda-roupa ou a cômoda para o quarto do bebê, é preciso ficar de olho aberto para as medidas exatas e como irá ficar a organização desses móveis no planejamento do quarto. 


  • Se o bebê já tem bastante sapatinhos


Eles muitas vezes são esquecidos no momento de organizar o armário do bebê, mas também são importantes e merecem um espaço dedicado só para eles. Isso mesmo: os sapatinhos do bebê. 


Você, mamãe, pode ter feito com todo carinho a organização do guarda-roupa ou da cômoda do seu bebê mas se acabou esquecendo de reservar um local para guardar os sapatos, terá que refazer tudo do zero.  


Isso porque na maioria das vezes não há outro local para guardar eles e, por não serem capazes de dobrar ou amassar, os sapatinhos ocupam um espaço considerável. Caso o seu bebê ainda tenha poucos calçados, ótimo! Mas caso contrário, pode ser um alerta vermelho para a necessidade de precisar de mais espaço.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os Melhores Modelos de Vestidos Infantis Para Festa de Criança

As 4 Vantagens de Comprar Roupas de Bebê Unissex